2 Months of Washington State

 

Sim, já completaram dois meses, nem acredito! Muita coisa mudou desde aquelas duas primeiras semanas do último post, conheci pessoas, muitas pessoas, lugares, montanhas … estou aproveitando todas as oportunidades que aparecem, um ano pode parecer muito tempo, mas passa rápido, como eu já fui intercambista antes, eu deixo a dica, não percam tempo!! Porque no final vocês vão pensar “Puts, naqueles priimeiros meses de adaptação eu podia ter aproveitado mais ao invés de ficar em casa homesick”. Eu estou me jogando aqui em tudo o que aparece, hiking com pessoas que não conhecia (conheci pelo Facebook), conhecendo um pessoal super legal nos grupos de AuPairs do Facebook, enfim, me aventurando. 

Comecei logo na minha segunda semana aqui um curso de Marketing Communication, não lembro se falei isso no post anterior, mas foram 5 semanas de curso (15 horas – para a APIA você precisa de 73 horas de curso em um ano) no Bellevue College, foi suuuper legal, é sempre bom aprender a vender né? Adorei o curso e a professora era ótima. Se alguém vier para essa região de Seattle e quiser mais informações sobre cursos let me know!

Agora comecei um curso de Francês, também estou adorando, sempre quis aprender a língua então aproveitei a oportunidade. Uma coisa que eu percebi é que as AuPairs começam a estudar lá pelo 3º, 4º mês, eu não quis perder tempo, tudo o que eu puder fazer de curso aqui, e principalmente coisas que possam acrescentar ao meu currículo quando eu voltar pro Brasil eu vou fazer. Então se você não tem um inglês muito bom, já se joga no ESL logo na segunda semana ! E falar inglês, muito inglês, eu sei que é MUITO dificil, mas evitem sair só com brasileiras, isso faz TODA a diferença para o seu inglês no final do seu(s) ano(s) como AuPair. 

Lugares que conheci até agora:

Downtown Seattle – Quem tiver a oportunidade de vim passar um final de semana ou até ser escolhida por uma família da região de Seattle eu digo: VENHAM !! A cidade é um charme, tem uma pegada underground que eu amo, tem praias, tem montanhas, tem de tudo. Chove muito, sim, mas você aprende a aproveitar a vida até de baixo de chuva. I Love Seattle!

Image

Image

Image

 

Hiking – Para quem gosta de fazer trilhas e quem ama natureza como eu, essa é a região perfeita para morar, tem infinitas trilhas, eu só fiz uma até agora, e foi MÁGICO, agora que o tempo está esquentando vou conhecer o máximo de trilhas que eu puder, as vistas são de tirar o fôlego. Essa foi para o Lake Twentytwo, North Cascades.

ImageImage

ImageImageImage

 

Mt. Vernon – Tulip Festival – Aqui as pessoas amam tulipas, e não é pra menos, coloca um monte delas juntas e me diz se não é apaixonante. Essa época do ano tem o festival de tulipas que fica a pouco mais de 1h de Seattle, vale super a pena ir, fomos em um dia maravilhoso de sol !

Image

Image

Image

Image

Snoqualmie – Quem vier pra cá também fica a dica de que o pessoal aqui adora esquiar, minhas host kids tem aula de ski durante a temporada de inverno (Jan-Fev) então no último domingo da temporada fui com elas ver um pouco de neve, não esquiei porque não tinha roupas adequadas mas acho que vou comprar o passe para a próxima temporada daí posso ir todos os finais de semana, se sobrar dinheiro pra isso né, HÁ.

Image

Image

Image

Por hoje é só folks ! Esperam que tenham gostado do post logo mais apareço com mais novidades

 
 

Week 2

 

IMG_9202

Sammamish, WA

Hey Girls, dei uma abandonada de leve aqui no blog, mas acho que é normal pra quem chega aqui, é tanta coisa pra fazer que postar em blog é a última opção de lazer, haha.

Bom, vou dar uma resumida de como está minha vida de AuPair nessas duas semanas. Semana passada deu uma deprê, do tipo “o que estou fazendo aqui?” “Vai ser isso por um ano?” etc … mas conversando com as minhas queridas amigas aupairs que embarcaram comigo percebi que a deprê da primeira semana é normal, todas tiveram suas crises, seja pelas kids, pelo lugar, pela saudade, enfim … mas, essa nuvem negra já sumiu da minha vida, de repente comecei a me apaixonar pelo lugar em que estou vivendo. Os host parents são super legais comigo, a mom é mais exigente e cobra mais, mas me faz lembrar um pouco a minha propria mãe, então não estranhei tanto e o host dad é super querido, me incentivou a fazer um curso na minha área mesmo que seja um pouco longe e tal … e as kids também são ótimas, elas brigam bastante entre elas, mas comigo são comportadas na maioria das vezes e sempre me respeitam.

A rotina da casa é BEM corrida, a host sai super cedo pra trabalhar e o host dad está viajando a trabalho (ele viaja muito), então eu acordo 6:20, desco pra peparar as lunch box deles pra escola (é escola particular então eles tem que levar almoço e snacks), esvazio a máquina de lavar louça e preparo o café da manha (pancakes, cereal ou toast), 6:45 subo pra acordar eles, e ajudo a menina de 5 a colocar o uniforme. Arrasto eles pra mesa pra comer (crianças né, se distraem por qualquer coisa), 7:45 saimos de casa. Deixo eles na escola e estou livre das 8:30 até as 14:15 (horário que eu saio para buscá-los na escola), mas nesse meio termo tenho que deixar o jantar meio que preparado porque depois com eles em casa fica difícil, e de terça e quinta eles tem natação e chegam tarde em casa. De quarta lavo a roupa deles, deixo tudo meio organizado e de tarde até a noite é um parto pra essas crianças fazerem lição, haha, eles tem muuuita lição, acho que porque é escola particular não sei … mas é muita lição mesmo! A host só chega em casa 8:30, então fico a tarde toda com eles, quando vou pro meu quarto umas 9h estou E-X-A-U-S-T-A! Nada fácil essa vida de aupair viu ! Mas agora já estou mais bem adptada a rotina então fica mais fácil me organizar nos horários para não ficar louca haha

Elas estudam em uma cidade chamada Bellevue, que fica a 30 minutos de carro daqui da casa, aqui o único meio de transporte é carro, moramos em um bairro bem afastado dos centros, tanto da nossa cidade quanto das vizinhas. Mas já me acostumei porque onde eu morava no Brasil também era assim. A primeira semana foi um sufoco, o menino de 9 não gostou da minha comida, eu atrasei o jantar e a host não gostou que eles jantaram tarde, me perdi de carro, me enrrolei toda, mas acredito que isso é normal, o host na verdade tava de folga e ia me ajudar mas acontece que ele pegou uma super gripe e não conseguia levantar da cama, então tive que me virar sozinha, mas me esforçei, e MUITO. Mas agora já sei ir e voltar da escola sem me perder, já sei ir pra outros lugares também. Fui a um encontro religioso indiano com a host no sabado, o que foi super interessante, ah, e a comida, estou amaando a culinária indiana, cada dia a host separa uma receita diferente nos mil livros que ela tem aqui, estou aprendendo muito, e adorando!

Ainda não consegui ir pra Seattle, bem provável que eu faça isso esse final de semana. Estou a 40 minutos de lá, mas como ainda estava me acostumando com a rotina e tudo mais preferi ficar aqui nos últimos finais de semana. Ainda preciso também conhecer as AuPairs da região, estou conversando com uma mas ainda não deu certo de nos encontrarmos.

Começei a estudar quinta feira passada, estou fazendo um curso de “fundamentals of marketing communication” na Bellvue College, uma faculdade que fica do lado da escola das crianças, são 5 aulas, de quinta feira as 6 – 9pm (quinta-feira a host tem folga então eu também!), bem legal o curso, estou gostando bastante. Na verdade quero fazer algum relacionado a moda, mas só começam em Abril, então vou fazendo outros até lá. Mas é muito bom tirar um pouco a cabeça da casa e fazer coisas não relacionadas a crianças !

Acho que é isso … aqui são algumas fotos da vista das montanhas que temos aqui do bairro aonde moro, é um sonho.

IMG_9207 IMG_9208

Orientation – NYC

Finalmente meu primeiro post dos EUA, cheguei segunda feira no Hotel em Tarrytown, NY – não se iludam, não é muito perto de Downtown NYC não viu, mas já falo sobre isso …

Eles colocam você em um quarto com mais duas meninas que irão para mesma região que você, o que é bem legal porque você já vai fazendo uma amizade … eu fiquei com uma canadense super fofa e uma espanhola que não falava nada de inglês e era meio doidinha haha mas bem legal.

A orientação é bem cansativa, mas a mulher da APIA que apresenta é super fofa e simpática, então ajuda a não ficar tão chato, tem todo o tipo de informação possível, eles dão uma pasta com varios papeis que tem informações sobre a chegada na família, primeiros socorros, etc, etc …

 

Devido a uma nevasca que chegou ontem em NY a APIA decidiu mandar as meninas para suas host families antes da data prevista, era para eu ter embarcado no dia 13 mas meu host conseguiu um voo para mim dia 12, foi a maior correria e como não conseguimos fazer a orientação completa como prevista vamos ter que fazer uma online nesse final de semana ¬¬

No primeiro dia eles oferencem o city tour, que você reserva com antecedencia. Como eu já tinha ido para NYC outras vezes e já tinha feito city tour achei bobagem fazer de novo, o host me deu de presente então um musical da broadway, fui assisti Chicago (!!) foi maravilhoso. Só que gente, é muuuito role do hotel pra downtown, tipo, 1h30 de trenzão, cheguei super tarde no hotel, graças a deus tinha taxi na estação pra me levar pro hotel se não sabe la deus o que seria de mim hahah

Mas foi isso, no próximo post vou falar sobre a host family e a rotina da casa, a qual eu ainda estou em processo de adaptação. 🙂

Passagens e Passaporte

Recebi pelo correio ontem meus passaportes do consulado com o visto e todas as informações nele corretas, yaay !

IMG2342

Também recebi um email da APIA com as informações do meu voo de São Paulo para Nova York, dia 10 de Fevereiro as 11:10am. E para concluir, recebi um email do meu host com as informações do meu voo de NJ para Seattle, no dia 13 de Fevereiro, o que significa que vou ficar um dia a menos na orientação (que teoricamente são 4 dias), mas já falei com a APIA e eles disseram que não tem problema. Meu host já me avisou que a Alaska Airlines (do meu voo de NY para Seattle) cobra $25 por mala despachada, eu achava que poderia levar apenas 1 mala no voo doméstico mas posso levar 2, desde que pague os $25 por mala, então não vou sofrer tanto quanto achava para fazer as malas. Mas esse é assunto para o próximo post !

Passei também ontem na experimento para pegar meu Kit Embarque (camiseta, porta documentos, tags de mala e etc…) e peguei mais algumas informações sobre a chegada em NY. Bom, são essas as novidades da semana! Nem acredito que falta 1 semana e meia para embarcar, parece que estou indo passar uma semana fora, não caiu a ficha ainda, haha.

photo (1)

Beijos !

Presentes para Host Family

Bom gente, como algumas de vocês já sabem, esse não é o meu primeiro (nem segundo) intercâmbio, então essa é a minha terceira experiência em comprar presentinhos para as host families, o que eu pude notar com as duas outras famílias que morei é que eles realmente não se importam muito com os presentes, não importa o quão legal seja o presente, eles provavelmente vão deixar em algum canto e nunca mais usar. É, é a triste realidade, maaas, como boas brasileiras nós adoramos mimar os estrangeiros e acho super válido e é uma ótima demostração de carinho para com a nava família. Eu particularmente acharia o máximo ganhar presentes de um outro país se alguém de fora viesse morar na minha casa, mas enfim … 

Conversando outro dia com a host e as kids fiquei sabendo que a menor ama colecionar pedras diferentes. Eu moro na Granja Vianna, pertinho do Embu das Artes em SP, quem morar em São Paulo e tiver a chance de ir ao Embu para comprar os presentes eu super aconselho, tem milhares de opções (foi difícil escolher) de coisas legais de artesanato e coisas feitas com pedras e outros materiais tipicamente brasileiros.

image (1)

 

Bom vamos lá; para a família no geral comprei um saquinho com diversas pedras brasileiras (R$17,00 acho) e um jogo de colher de café com detalhes de pedrinhas no cabo (R$24,00). 

Para as meninas (5 e 7 anos) comprei uma pulseira para cara com pedrinhas coloridas, super fofo (R$5,00 cada)

Esses todos foram comprados na CASA DAS PEDRAS, R. Nossa Senhora do Rosário, 108 Embu das Artes – SP, lá tem os mais diversos tipos de coisas feitas em pedras. 

image (3)Para as 3 kids comprei esses lápis de cor em madeira, que eu  particularmente amo, inclusive tenho um aqui no meu quarto, haha. (R$7,50 cada)

image (5)

Para a host mom comprei esse colar e brincos feitos com capim dourado (a imagem está péssima, I know ):), esse capim dourado é encontrado apenas no deserto de jalapão em Tocantis, comprei em uma loja na Granja Vianna chamada Buriti. Foi um pouco caro, mas achei bem diferente e brasileiro.

Não tenho fotos mas para o host Dad e para meu Kid de 9 anos comprei camisetas do Brasil, espero que tenha acertado no tamanho ! (Foi R$30,00 cada, também no Embu).

 

Bom é isso, espero que tenha ajudado a dar idéias de presentes diferentes … 

Beijos

 

 

Visto – APIA fee – Health Insurance

Hoje foi o tão temido (e bota temido nisso) dia do visto; para não encher muita linguiça, o visto foi aprovado ! Acho que nunca senti tanto medo de ter um visto negado, olha que essa já era a 4ª vez que eu solicitava visto. A entrevista foi bem tranquila, depois de falar um pouco em português, o cara disse que com norma para solicitação ele precisava ouvir o meu inglês então perguntou “where are you going to?” respondi que para “Washington State” então ele perguntou “How’s your host family like?” e disse que eram indianos, 3 kids e a idade deles. Só isso. Teve um pequeno problema no endereço que constava no meu DS-2019 mas ele verificou com alguém e parece que não tinha problema, então foi isso. Uma noite sem sono para 2 minutos (se muito) de entrevista. Mas estou muito, MUITO aliviada. E feliz !

Mandei um email assim que saí do consulado para a minha agente da experimento informando o acontecimento e como eu deveria efetuar o pagamento do programa para a APIA. Bom, não sei dizer como funciona com as outras agências, mas na experimento você paga uma taxa de inscrição do programa para a agencia de R$795,00 (em 2013) laaaá no início do processo (acho que pode ser parcelado em até 5x se não me engano) e depois você só volta a desembolsar grana depois que o match for feito (eles sugerem que seja pago depois que o visto for aprovado) mas aí você não paga mais nada para a experimento, o pagamento é feito diretamente para a Au Pair in America.
Até onde sei a experimento e a APIA não são das empresas mais baratas mas uma coisa é certa, nunca vi meninas reclamando de falta de suporte (tando no Brasil quanto nos EUA) ou de qualquer outro tipo de problema, eu sou do tipo que prefiro pagar mais caro para não ter dor de cabeça sabe?

Valor para a APIA: U$860,00

Nesse valor está incluso o seguro saúde básico, você pode optar por adicionar:
(A) Travel and Sports Package – U$185,00 extras
(B) Medical Upgrade – U$300,00 extras
Comprando os dois você tem U$85,00 de desconto.
(Lembrando que esses valores correspondem a Jan. 2014, não sei de quanto em quanto tempo isso muda)

Recebi esse documento explicando o que cada seguro cobre:
2013 Insurance Coverage Explained

Eu optei por adicionar ambos, o Travel and Sports porque a minha host family costuma esquiar todo final de semana em temporada e o Medical Upgrade porque nunca se sabe né? Conversei com meu pai e achamos melhor garantir um seguro maior. Se vocês lerem o documento explicando o que cobre cada um é mais fácil de entender, mas o (B) cobre muito mais e com o seguro básico se você precisar ir ao medico cada vez você terá que desembolsar U$50. Não costumo ficar doente nunca, mas saúde é coisa séria e não sabemos o dia de amanha então preferi ficar o mais segura possível.

Valor total: U$1260,00 (A+B)

Como o pagamento pode ser feito:
Au Pair – Pagamento ao APIA 

Espero que o post não tenha ficado muito chato e que tenha sido útil !
Beijos.

PID – Permissão Internacional para Dirigir

O post de hoje é sobre a PID (Permissão Internacional para Dirigir), até então ninguém da agência tinha mencionado que eu deveria tirar esse documento antes de embarcar (e eu viajo em 30 dias!), mas ontem checando uma “check list” no site da APIA eu vi que solicitavam esse documento, mandei um email para a experimento solicitando informações de como fazer para emitir a PID e ela me enviou o seguinte arquivo que já foi bastante esclarecedor:

Au Pair – Permissao Internacional para Dirigir (PID)

Fui então atrás do Detran, ou no meu caso Ciretran, para obter mais informações, o processo parece bem simples, levar copia da CNH e o comprovante de uma salgada taxa de emissão de R$221,54. Outch! Não esperava por essa, mas é isso aí. Já vou providenciar o pagamento hoje mesmo. Aqui vocês podem encontrar mais informações em CIDADÃO-CNH – INTERNACIONAL – PID

Por hoje é isso … estou agora no aguardo da documentação da APIA. Minha entrevista no CASV e Consulado são na Quinta e Sexta feira da semana que vem, espero que chegue a tempo!

RALPH SMART - INFINITE WATERS DIVING DEEP

Become Your Greatest Version

ECO BOOST

'cos green looks good on you!

Levantando o véu

Encontrando segredos e perdendo a ignorância

veganblogsite.wordpress.com/

Trying to be the change we want to see

Natasha Staunton

A place for my thoughts

My Vegan Adventure

I'm giving up meat, cold turkey (pun intended)

Hello Lilli

Vegan Beauty & Lifestyle

Running Vegan NYC

Eating vegan, running long distances and being 20-something.

Spring 2014: Prague

My thoughts and experiences during my semester abroad in the Czech Republic.

My Veggie Life

My Human Journey : Tales of a Vegan Adult(ish)

Feeding Your Beauty

Simple, Wholesome, Plant-Based Food

Christia Harrane

Ma (Visual Arts) Digital Arts

La Cuisine d'Eli

Fearless eating, green living and making your own.

Jidapachu

Experiences and emotions in words

beach house kitchen

vegan - feel good food - healthy - tasty - simple - wholefood - travel - fresh - local - home cooked happiness

Jerald Newman's Blog

When i die, I'm sure i will have a big funeral... curiosity seekers coming to see if I am really dead... Or just trying to make trouble

TheGirlDish

Serving Up Your Weekly Dose Of Whatever The (bleep) I Want

vegan hummingbird

a collection of vegan favorites from my kitchen and other places

The Green Beauty Journal

A delightful journey to happy skin..